Conhecendo Che Guevara, Fidel e José Martí: passeios históricos por Havana

havana cuba baia

Havana é uma cidade fantástica e que mostra claramente as diversas fases de influência pelas quais Cuba passou. Ao olhar ao seu redor, em quase todas as partes da cidade é possível identificar elementos de três importantes momentos da história cubana: a colonização espanhola, a influência estadunidense pós independência e a revolução socialista com influência da União Soviética, a partir de 1959. É interessante tentar identificar esses elementos, apesar das marcas da Revolução Cubana serem certamente as mais fortes.

havana cuba carro

Para entender a história dessa revolução há vários personagens importantes, mas três deles são essenciais: Fidel Castro, Che Guevara e José Martí. Os dois primeiros, por exemplo, estão ilustrados em fachadas de prédios na Praça da Revolução, um dos pontos a se conhecer na cidade.

havana cuba praca revolucao

Che Guevara, que chegou a ilha junto com os irmãos Castro – Fidel e Raúl, hoje presidente do país – no iate Granma, em 1956, também teve uma casa de trabalho em Havana. Ela encontra-se do outro lado da Baía de la Habana, em direção à saída da cidade. É possível visitar a casa, ver objetos pessoas e de trabalho do revolucionário, assim como a urna funerária em que suas cinzas foram transportadas.

havana cuba casa che guevara

Aliás, o outro lado da baía me pareceu um local menos explorado turisticamente, mas com atrações interessantíssimas. Ao lado da casa de Che há um Cristo, que para quem conhece o Rio de Janeiro não tem nada de muito especial, mas é uma das poucas marcas de religiosidade cristã na ilha. Ele foi colocado naquele local poucos dias antes da Revolução.

Um pouco adiante é possível adentrar ainda a enorme Fortaleza de San Carlos de la Cabaña. Trata-se da maior fortaleza militar construída pelos espanhóis na América. Aí esteve preso José Martí, quando das lutas pela independência do país. Além disso, Che Guevara assumiu o controle da fortaleza após a Revolução. É um passeio agradável, com ambientes e vistas incríveis e cheio de detalhes históricos.

havana cuba fortaleza militar la cabana

Sobre José Martí, é possível encontrar ainda inúmeras referências em praças, estátuas, conselhos populares e tudo mais que possa homenageá-lo. Ele é o grande nome da independência cubana. Sobre a Revolução, voltando ao centro de Havana, é importante visitar ainda o Museu da Revolução. Não espere nenhum museu moderno, interativo ou super agradável, mas ali estão importantes peças e documentos, além de toda a história, da revolução socialista. Ao fundo é possível ver ainda réplicas de aviões, canhões e carros utilizados na época, além de ver a reprodução do tal iate Granma, que trouxe os revolucionários à ilha.

havana cuba iate granma

Pertinho dali, descanse a mente no simpático Museu de Belas Artes de Cuba – cuidado para não confundir, há um outro museu de Belas Artes, que não é apenas de arte cubana e não nos pareceu muito simpático. Você vai se surpreender com o quão pouco sabemos de arte cubana…

havana cuba museu belas artes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *